Monday, 23 de October de 2017

Mundo está iniciar sexta extinção em massa e a culpa é nossa!

Publicado por Joel Rosado em Junho - 30 - 2015

Por nossa culpa, poderemos desaparecer da face da terra!

Graças às mudanças climáticas e o uso excessivo de recursos naturais – o planeta está a passar por uma “sexta grande extinção” de espécies animais.

Assiste ao vídeo.

O mundo está a iniciar a sexta extinção em massa, com os animais a desaparecerem a um ritmo 100 vezes superior ao que ocorreu nas ultimas 5, e os humanos podem estar entre as primeiras vítimas.

Nunca desde o fim da era dos dinossauros, há 66 milhões de anos, o planeta perdeu espécies a um ritmo tão rápido quanto o atual, segundo a investigação realizada por cientistas das universidades Stanford, Princeton e da Califórnia, em Berkeley.

Pode ler o estudo aqui – Accelerated modern human–induced species losses: Entering the sixth mass extinction

extincao-massa

Fontes:

Beyond Science

Science Advances

Hotel flutuante com apartamentos Catamaran.

Publicado por Joel Rosado em Junho - 11 - 2015

Um “FlutuHotel” ou um BarcoHotel?

O projecto é desenvolvido com o objetivo de promover o turismo em águas interiores que oferecem bonita, (e muitas vezes negligenciada), natureza. Aqui, o hotel flutuante seria uma solução perfeita para o turismo, sem qualquer violação da harmonia natural do lugar em si.

apartamento-catamaram-02

Design : Salt&Water Design Studio

O Hotel Flutuante é composto por duas partes diferentes – unidades de catamarans flutuantes que servem de apartamentos e uma doca de serviço central (que consiste de recepção, restaurante, salão de eventos, escritórios para os funcionários e um café), a partir da qual os hóspedes poderão deslocar-se aos “apartamentos”. Cada apartamento é na verdade um catamarã de design inovador, que pode ser facilmente separado da doca e posto a navegar, permitindo aos hospedes escolher o local preferido para visitar.

apartamento-catamaram-01
apartamento-catamaram-04

Cada apartamento pode acomodar 2 a 4 pessoas, graças à possibilidade de converter o salão numa cama de casal, tem ainda uma cozinha, um banheiro, uma sala com espaço de armazenamento e uma área de dormir (acima do salão). A partir da plataforma é fácil o acesso à água para a natação, mergulho, pesca e banhos de sol ( na plataforma ).

apartamento-catamaram-05
apartamento-catamaram-03
apartamento-catamaram-06

Não vejo um exemplo melhor de utilização como o Alqueva, que muito embora já tenha barcos casa (carissimos), esta solução é inovadora e o Alqueva grande o suficiente para ela.

[Fonte]

O que estamos a fazer ao nosso planeta, em 19 imagens.

Publicado por Joel Rosado em Maio - 13 - 2015

Na semana passada, o Papa Francisco encorajou todos a consumir menos e pensar mais sobre o nosso impacto no meio ambiente.
É uma advertência oportuna, porque os próximos seis meses serão cruciais para o nosso futuro.
À frente de uma série de grandes eventos no final deste ano, a Foundation for Deep Ecology e o Population Media Center emitiu uma coleção de fotos que ilustram os efeitos devastadores do crescimento fora de controle, e é de tirar o fôlego.
“Esta é uma questão com que as pessoas se preocupam, e muitas vezes só não é discutido porque os mídia não querem!” disse Missie Thurston, diretora de marketing e comunicações da Population Media Center.
É difícil saber sempre os impactos de nossas escolhas diárias, como o efeito real de comprar uma garrafa de água uma TV extra um computador ou telemóvel. Com mais de 220.000 novas pessoas no planeta a cada dia, e cada pessoa gerando em média mais de 4 toneladas de resíduos por dia – um aumento de quase 60% desde 1960 – o impacto desse crescimento e mudança de comportamento raramente é visto desta forma.

1. Uma baía remota em Java, Indonésia, onde os moradores locais, sem infra-estrutura para a eliminação de resíduos, deitam o lixo diretamente em ribeiras e rios.

poluicao-praia-java

2. Lixo eletrónico, de todo o mundo, é enviado para Accra, Gana, onde os moradores fazem a separação de minerais e depois queimam o restante.

lixo-electronico

3. Cidade do México, uma das mais populosas do hemisfério ocidental.

cidade-do-mexico

4. Nova Deli, Índia, onde muitos aterros estão a chegar a um ponto de ruptura. A população circundante de Deli totaliza cerca de 25 milhões de pessoas.

nova-deli

 

5. Los Angeles, Califórnia, que é famosa porque por vezes tem mais carros do que pessoas.

los-angeles

 

6. Campo de petróleo em Kern Rio, Califórnia.

campo-petroleo-california

 

7. Uma antiga floresta estava a empatar o desenvolvimento de um reservatório na floresta nacional de Willamette, Oregon.

oregon-floresta

 

8. Central energética a carvão, Reino Unido.

termoelectrica-carvao

 

9. North East Terra, Svalbard, na Noruega, onde o aumento das temperaturas globais estão mudando fundamentalmente a ecologia co o aumento do degelo.

degelo

 

10.  A maior mina de diamantes do Mundo, na Russia.

mina-diamantes-russia

 

11. Amazonia, queimadas para dar espaço para criação de gado, Brasil.

desmatamento-amazonia

 

12 e 13. Areias betuminosas e mineração a céu aberto numa uma área tão vasta, que pode ser vista do espaço. Alberta, Canadá.

mineracao-ceu-aberto
areias-betuminosas-alberta-canada

14. Pneus usados descartados em Nevada.

pneus-nevada

 

15. Ilha de Vancouver, Canadá.

ilha-vancouver-canada

 

16.  Agricultura industrial em Almeria, Espanha, que se estende por quilometros.

agricultura-industrial-almeria-espanha

 

17. Um homem se afasta do cheiro do rio Amarelo, na China.

rio-amarelo-poluicao-olfativa

 

18. Bangladesh, onde muito das roupas e mercadorias do mundo são fabricados. O lixo está descontrolado.

lixeira-bangladesh

 

19. Black Friday, Boise, Idaho. podes ficar ferido ou até morrer por causa dos descontos.

saldos-black-friday-idaho

 

O resto do ano vai ser crítico para a tomada de decisões em termos ambientais . Em setembro, os líderes mundiais vão tentar chegar a acordo sobre as metas de desenvolvimento sustentável que nos levarão até 2030. Em dezembro, em Paris, as Nações Unidas irão tentar, finalmente, definir limites obrigatórios sobre a poluição. 2015 vai ditar o modo como travaremos a degradação do planeta ao longo das próximas décadas.

[Fonte]

Sustentabilidade social

Publicado por jjoel em Março - 24 - 2015

Turbinas eólicas em postes de alta tensão

Publicado por jjoel em Julho - 7 - 2009

turbine-eolica-poste-1

Três Franceses, os arquitectos Nic­ola Delon e Julien Choppin, juntamente com o engenheiro Raphaël Ménard, acreditam que encontraram uma forma eficaz de instalar turbinas eólicas praticamente em qualquer cenário e alem disso pensam que tem uma vantagem em relação aos parques eólicos tradicionais, não são inestéticos.

Esta concepção, denominada Wind-it permite a inclusão de turbinas de eixo vertical em postes de electricidade novos ou já existentes. A equipa estima que, se forem instalados num terço dos postes de alta tensão existentes na França, podem rivalizar em termos energéticos com duas centrais nucleares, o que equivale a cerca de 5% das necessidades energéticas do País.

Tendo sido tornado publico em maio de 2007 numa exposição sobre energia e design patrocinada pelo órgão francês Électricité de France, voltou a chamar a atenção quando ganhou o concurso Metropolis Mag’s.

turbina-eolica-poste-3

“Existem 500 mil torres de alta tensão em França, mesmo que a energia gerada seja mínima, se for integrado desta forma a energia total gerada poderá ser enorme.” diz Ménard

Embora louvando o projecto, alguns peritos no assunto consideram que “existe alguma ingenuidade no potencial da energia eólica nesta concepção”, segundo Chris Garvin, da empresa de consultadoria ambiental Terrapin Bright Green. Por outro lado as torres existentes não estão preparadas para absorver a vibração e o stress criado pelas turbinas, de modo que a sua preparação para isso, tornaria o seu custo proibitivo.

Fonte:[cleantechnica]

HijackThis 2.0.5

Publicado por Joel Rosado
Mai-4-2015 I Comentar